• Início

A adrenalina do esporte com hábito e batina!

SONY DSC

Reportagem: Thiago Radael

Se você pensa que habito e batina não combinam com esporte é porque você ainda não conhece o Frei Malone e o Seminarista Adriano Bitencourt. Os gaúchos que apreciam reggae, ‘mandam bem’ no skate, unindo o silêncio interior com a adrenalina das manobras radicais. O frei arranja tempo ainda para se equilibrar na corda, na prática do Slackline. “Na corda não existe outro adversário a não ser você mesmo”, afirma Malone. Já Bitencourt, encontra também no Surf uma grande sintonia com a natureza, “Aquela imensidão de água… ver uma tartaruga… um Boto pulando perto de mim… Só ‘pegando uma onda’ para saber o que se sente no surf!”, afirma o seminarista.

Continue Lendo 1 comentário

”As parábolas? Parecem ter sido pensadas para o Twitter”

No princípio era o tuíte. Dois mil anos atrás, o passarinho azul que pia não existia, e era Jesus quem falava às multidões com uma linguagem tão imediata e cristalina, e com frases tão essenciais, a ponto de fazer o cardeal Gianfranco Ravasi, biblista refinado e animador do Átrio dos Gentios, a ágora entre crentes e não crentes, dizer que as parábolas contidas no Evangelho foram como que pensadas justamente para o Twitter, frases esculpidas, contidas em 140 caracteres, mas tão explosivas e revolucionárias a ponto de aquecer o coração, alimentar a mente, converter os incrédulos, sacudir as consciências.

Twitter_Music

A reportagem é de Franca Giansoldati, publicada no jornal Il Messaggero, 26-09-2013. A tradução é de Moisés Sbardelotto.

Continue Lendo Comente!

O beijo do Papa Francisco

Por Fabiano Fachini, Jornalista.

Ternura, carinho, dedicação, amor.

Doce. Jovem. Amigo. Carinhoso. Bom!

Já se passaram alguns dias… mas os beijos do Papa Francisco não foram esquecidos. As crianças foram “abençoadas”, como disseram os pais; os fiéis presentes na Jornada Mundial da Juventude Rio2013 foram tocados pelo exemplo do Papa; os telespectadores, ouvintes, internautas… todos “atingidos” pelo testemunho de Francisco.

PPFRANCISCO BEIJO

Continue Lendo Comente!

A verdade sobre a Irmã Cristina, a freira cantora

A Irmã Cristina Scuccia, a jovem religiosa que revolucionou a Itália e o mundo com sua participação no programa “The Voice”, não é uma “paraquedista” que se dedica a participar de festivais buscando notoriedade, como muitos a acusam. Sua história mostra todo um trabalho de evangelização entre os jovens italianos. Vale a pena conhecê-la.

Em 2007, Cristina era uma adolescente um pouco rebelde, afastada da Igreja e apaixonada por um jovem, e tinha um grande talento musical. Frequentava a universidade e se preparava para participar do show de talentos italiano XFactor. Ela mesma conta isso em uma entrevista à edição italiana da Vanity Fair.

maxresdefault

Providencialmente, naquele ano, sua mãe leu um artigo sobre a conversão de Claudia Koll. Mas quem é Claudia Koll? Uma conhecida atriz italiana, famosa por ter começado sua carreira com filmes eróticos junto a Tinto Brass, e que em 2001 protagonizou uma das conversões mais famosas do panorama artístico do país.

Após sua conversão, Claudia Koll decidiu dedicar-se às obras de caridade com mais carentes. Fundou uma ONG, Le opere del Padre, e lutou pela evangelização e a solidariedade com países como a República Democrática do Congo, Burundi e Madagascar. Participou também, como atriz, de grandes produções católicas, como a série sobre Santa Maria Goretti e um filme sobre São Pedro.

Continue Lendo Comente!

João Paulo II: apaixonado pelos jovens

O bem-aventurado João Paulo II é chamado o patrono das Jornadas Mundiais da Juventude, o papa dos jovens, ou ainda, o papa jovem. De fato, realizou grandes obras pela difusão do Evangelho. Mas o que ele tinha em mente? Quais foram suas principais motivações?
Ao inaugurar seu pontificado, João Paulo II (Karol Józef Wojtyła) disse aos jovens na Praça São Pedro: “Vocês são a esperança da Igreja e do mundo. Vocês são a minha esperança.” E isso foi apenas o começo…

308786_171245462966237_1652249539_n

Sobre a juventude João Paulo II nos diz: “A juventude não é apenas um período da vida […], mas uma qualidade de alma que se caracteriza precisamente por um idealismo que se abre para o amanhã.” O jovem busca a Deus, busca o sentido da vida, busca respostas definitivas, assim como o jovem do evangelho (Mt 19, 16-22).

Continue Lendo Comente!

Você vai levantar a taça

COPA1

É o ano da Copa! Certamente vamos assistir os jogos, torcer, vibrar e ‒ quem sabe ‒ comemorar mais um título mundial para a nossa seleção. O que isso tem a ver com a fé? Já te explico.

Acontece que uma seleção é formada por atletas, os jogadores, que vão dar o melhor de si para que aquele sonho se torne realidade. Garra, determinação, coragem, renúncia, treino, treino e mais treino, são palavras do quotidiano desses profissionais. O preparo físico e psicológico deve ser alcançado com uma árdua e regrada rotina. Tudo isso é recompensado diante da forte emoção de se levantar a taça. E a emoção e alegria é ainda maior com a satisfação de saber que os campeões serão considerados o melhor time do mundo.

Continue Lendo Comente!

Pela fé eu vou

Pela fé eu vou é um documentário sobre a 28ª Jornada Mundial da Juventude, que aconteceu de 23 a 28 de Julho, no Rio de Janeiro. Com um olhar participativo, o documentário resgatou eventos pré-jornada como o Bote Fé da cidade de Curitiba, vigílias e o encerramento da Semana Missionária.

Nele pode-se observar a vivência e as dificuldades enfrentadas pelos peregrinos durante a JMJ, e, principalmente, que estes vão a qualquer lugar para manifestar a sua fé.

“É o encontro de todos os povos, o encontro que manifesta a juventude de Deus, a juventude que é calorosa, a juventude que é amor, a juventude que louva, a juventude que não reclama” Ingrid Junes, Peregrina JMJ.

Continue Lendo Comente!

A confiança é o primeiro passo para uma Fé madura!

confianca

Você já, alguma vez, pensou em o que seria necessário para se virar na vida, para aguentar tudo o que as nossas escolhas trazem de consequência ou de resposta? É muito legal  ver que nós, como adolescentes ou jovens, temos, de certa forma, pouca preocupação com o futuro, e nos preocupamos em viver esse tempo de agora, o presente.

Continue Lendo 4 Comentários

#JMJ Quanta emoção! Difícil explicar!

Por: Fabi Schor – Peregrina na Caravana Juventude Mariana

É Difícil expressar com palavras tudo o que vivi no Rio de Janeiro, neta #JMJ!

Cada momento foi único! Cada acontecimento esperado, ou, imprevisto teve um motivo especial que Deus havia separado para nós.

Desde o início, passeios, Missa de abertura, caminhadas longas, a chuva acompanhada do frio na cidade maravilhosa, catequeses, shows, amizades novas, fortalecimento das antigas, acolhimento do povo carioca, a presença tão esperada do Papa Francisco, “a foto”, “a emoção”, não conseguir fotografar ou filmar também… hehe…

Multidões de todas as línguas andando em forma de cordões ou sozinhas rumo à Copacabana e depois rumo ao metrô, o que era um espetáculo a parte. A aventura de pegar ônibus e, às vezes tendo que pular na frente para cercá-los… hahahha (curitibanos, vocês não sabem do que reclamar!).

Andar em meio à periferia, altas horas da noite, ao pé do morro que virou refrão de Tropa de Elite, mas, com um sentimento inexplicável de segurança. Passar por baile funk e pagode pra tomar banho (kkkk… nem pra tanto, mas que tiveram que avisar quem éramos, isso tiveram!).

Por fim, caminhada de quase 10 km até Copacabana pra uma vigília sem igual! Depois dormir de cansaço na areia, em meio a multidão, há 1 km do palco, e acordar ao som suave de um canto africano (lindo!) e assistir o nascer do sol de Copacabana. Maravilhoso!

E a Missa de Envio com o Papa? Quanta emoção! Difícil explicar!

A #JMJ deixa uma marca na minha vida! Posso dizer que vivi com intensidade tudo aquilo que Deus preparou pra mim!

As coisas desagradáveis foram um pequeno grão de areia em meio a imensidão do mar de graças!

Obrigada Deus por essa oportunidade!

Qualquer palavra, texto ou imagem seria pouco pra dizer tudo.

Continue Lendo Comente!

A #JMJRio2013 trouxe o sopro do Espírito Santo

Por: Carlos Dener – Peregrino na Caravana Juventude Mariana

Olá!

A JMJ sem dúvida deixou várias recordações, saudades, testemunhos. Tive recordações de amigos e colegas que por motivos não puderam estar comigo. A Jornada Mundial da Juventude, trouxe o sopro do Espírito Santo, o real sentimento de união, de paz. O Espírito de Deus, estava tocando os corações, podia sentir, nos vário dialeto, idiomas, gestos, olhares e nos sorrisos tão sinceros. Percebi a universalidade da Igreja, instigando-nos a sermos verdadeiros “discípulos entre todas as nações”.

Como Missionários, creio que todos os peregrinos eram portadores da bagagem do amor ao Santo Evangelho, a Jesus Cristo e a Deus.

Vivi momentos inesquecíveis, em particular durante a Santa Missa de abertura. Senti forte o amor de Deus, de uma forma que eu jamais havia experimentado, pude ver que não eram somente vozes que cantavam, mas sim, corações fiéis, adoradores do Altíssimo, que em uma só voz, cantavam ao Senhor o seu canto, seu próprio canto interior, canto de louvor, sinceridade, a verdadeira personificação do desejo que Deus nos chama a cumprir, a transmitir e irradiar através de nós. Foi emocionante! Agradeço a Deus pelo toque de Sua ação poderosa, Ele proporcionou ao mundo provar mais do que na simples emoção, a atitude evangelizadora, a própria moção d’Ele em nossas vidas.

Continue Lendo Comente!

#JMJ #Rio2013, uma experiência inesquecível

Por: Cristine Martins Bonato – Peregrina na Caravana da Juventude Mariana

Para mim #JMJ é: Uma energia fora do comum, uma multidão com o mesmo propósito, levantando a mesma bandeira.
Muitas provações, mas valeu a pena cada segundo. Vivi a Jornada junto com um grupo animado e maravilhoso que fez dessa viagem ainda mais especial.
Todos iluminados e guiados por Deus, agora, rumo à Polônia.

Continue Lendo Comente!